Noé Cró. Música Popular Madeirense.
www.noecro.com | cronoe2009(a)hotmail.com
O percurso de uma vida.

Noé Rodrigues nasceu a 5 de Janeiro de 1954, em Santo António, Funchal, possui a escolaridade obrigatória e é funcionário público na Direcção Regional de Formação Profissional.
- A partir de 1980 tornou-se artista de variedades.
- Frequentou durante três anos o Conservatório da Música da Madeira
- Fez parte de alguns conjuntos musicais, tais como o “Âmbar Band” e “Ritmo5”.
- A partir de daí, tornou-se Vocalista, Artista de Variedades, Palhaço Entertainer, Apresentador etc., participando em centenas de espectáculos de variedades em toda a Madeira e Porto Santo.
- Em 1992 frequentou o Curso de Director e Encenador de Teatro Amador, suministrado pelo Inatel-Madeira e realizado no Teatro Municipal Baltazar Dias, por professores de teatro da Trindade de Lisboa.
- Participou também no segundo Curso de Encenação, no regime de Atelier.
- Fez parte dum programa de 53 espectáculos nas acções do SAC/86.
- Formou uma parelha de palhaços “Cró e Vassourinha”, para participar no programa do “Bem me Quer” organizado pelo Jornal da Madeira, e realizado em todas as Escolas da Região.
- Gravou em Cassete, músicas populares da Madeira com alguns temas escritos propriamente para ele com o apoio da Rádio Difusão Portuguesa.
- Participou em programas radiofónicos de várias rádios comerciais incluindo a Rádio Difusão Portuguesa como imitador político e folhetins radiofónicos.
- Participou em vários programas na Televisão Regional nomeadamente no “Sábado ao Vivo”, “Natal dos Hospitais”.
- Já na Televisão Nacional, participou no programa da RTP, do conhecido artista Nicolau Breyner, “Com Peso e Medida” nos programas da SIC de Carlos Cruz, com “Noites Marcianos” e do Herman José com o “Herman SIC”.
- Actuou em Lisboa nas “Festas das Ilhas”, no Porto a convite de uma empresa de mobília, três vezes em Londres, uma vez em Guaruesei, duas vezes no Canadá, Toronto e Monte Real, duas na Venezuela e uma em 2003 a Joanesburgo, África do Sul num espectáculo de beneficência para uma criança que precisava urgentemente de fazer um transplante de fígado, filha de pais Madeirenses em dificuldade financeira.
- Organizou e realizou três Revistas Teatrais no Teatro Municipal do Funchal realizando depois na ilha um espectáculo por conselho.
- Foi animador Entertainer de Várias Campanhas do P.S.D – Madeira, em espectáculos públicos, obtendo imenso êxito.
- Em 1996 fundou o Centro Cultural de Santo António onde é o actual Presidente da Direcção, criando na área da Cultura, com a participação de jovens da Freguesia de Santo António, uma tuna de Bandolins, um grupo de Teatro, três grupos de Danças, um grupo Coral e em 1998 um grupo de Folclore, onde toca acordeão e é o responsável pelo mesmo.
- Grupo esse que já representou a cidade do Funchal, no ano de 2001 em Leiria, 2002 em Barcelos e em 2003 na Povoa do Varzim.
- Juntamente com Miguel Correia e Carlos Aguiar, em 2002 forma a “Cró Banda” com músicos semi-profissionais onde continua actuar pela ilha em arraiais e festas populares.

Digitalizar0007
Digitalizar0014
foto 2
046
Digitalizar0012
Digitalizar0012